Tesouro fixa limite de quase R$4 tri para dívida pública em 2018 e vê aumento menor do passivo

Redação Reuters
3 Min, DE LEITURA

BRASÍLIA (Reuters) – A dívida pública federal do Brasil deverá encerrar 2018 entre 3,78 trilhões e 3,98 trilhões de reais, divulgou nesta quinta-feira o Tesouro Nacional por meio do Plano Anual de Financiamento (PAF), intervalo que abre caminho para crescimento menor, de até 11,8 por cento, em relação a 2017.
No ano passado, o avanço da dívida foi de 14,3 por cento, a 3,559 trilhões de reais, dentro da faixa de 3,45 trilhões a 3,65 trilhões de reais definida para o período.
O Tesouro pontuou que, apesar do momento de retomada do crescimento econômico, maior estabilidade de preços e taxas de juros mais baixas no âmbito da política monetária, permaneciam “os esforços direcionados à consolidação fiscal, que ensejam avanços nas reformas necessárias para o equilíbrio das contas públicas e a sustentabilidade da dívida pública”.
No PAF de 2018, o governo estabeleceu que os títulos atrelados à taxa flutuante, como a Selic, deverão representar de 31 a 35 por cento da dívida pública federal no ano, contra 31,5 por cento em 2017.
Esses papéis pós-fixados são mais demandados por investidores quando há percepção de aumento do risco, sentimento que pode se intensificar diante das incertezas ligadas às eleições presidenciais e à continuidade das reformas fiscais nesse cenário.
Representados pelas LFTs, esses títulos tiram previsibilidade para a dívida, já que flutuam com os juros. Por isso, o governo busca diminuir sua representatividade no longo prazo a 20 por cento.
Olhando para os demais títulos, os prefixados deverão continuar com maior peso na dívida, respondendo por 32 a 36 por cento do total, sobre 35,3 por cento em 2017. No longo prazo, o objetivo permaneceu de participação de 40 por cento.
Já a parcela correspondente aos títulos indexados à inflação deverá ficar entre 27 e 31 por cento em 2018, ante 29,6 por cento no ano passado, enquanto os títulos corrigidos pelo câmbio terão limite de 3 a 7 por cento do total da dívida neste ano, contra resultado de 3,6 por cento em dezembro passado.
Por Marcela Ayres

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s